Saiba tudo sobre o tratamento estético Luz Pulsada

O procedimento pode diminuir olheiras, eliminar acne, remover tatuagem, clarear sardas entre outros.

A Luz Intensa Pulsada (LIP) é um tratamento estético que pode ser usado para eliminar manchas na pele, remover pelos e combater linhas de expressão. A LIP é gerada por um aparelho que produz calor atingindo diferentes pontos, como a melanina – que em excesso pode causar manchas e o colágeno – tratando flacidez e rugas.

Dentre suas finalidades, destacamos: diminuir olheiras, eliminar acne, remover tatuagem, clarear sardas, tirar machas causadas pelo sol, depilação definitiva e eliminar estrias. Normalmente, para se obter um bom resultado, por exemplo, com a eliminação de manchas e sardas, é recomendável em média quatro sessões. Tratamentos como de rugas e flacidez exigem mais tempo, já que é necessário estimular o colágeno.

Para remover machas escuras na pele, o tratamento aumenta a quantidade de fibras de colágeno e elastina, clareando a pele e deixando-a menos flácida e mais firme, além de melhorar sua oxigenação sanguínea no local do procedimento.  Para rugas e linhas de expressão, o tratamento com luz pulsada também é eficaz por aumentar as fibras de colágeno e elastina, que tem sua produção diminuída a partir dos 30 anos.

marcas de acne
Marcas feitas por acnes

Fique Atenta!

O esteticista e o paciente devem usar óculos apropriados para proteger os olhos da luz do equipamento durante a sessão. Quando a Luz Intensa Pulsada é realizada para tirar uma tatuagem, demanda-se mais cuidado para evitar queimaduras. É normal que após a realização do processo a pele fique avermelhada e inchada. Escolha um profissional que você tenha confiança e que seja qualificado, por faculdade ou curso de estética.

Use cremes e pomadas depois do procedimento, além do protetor solar. Evite se expor no sol. Dependendo do procedimento, a pele pode descamar, mas esse é um processo normal. Continue passando os cremes e se cuidando, e não arranque as peles ou cascas que se foram encima do local que foi submetido ao procedimento.

Quando não devo fazer tratamento com Luz Intensa Pulsada?

  • Tomando medicamentos como isotretinoína (deixa a pele mais sensível)
  • Usando medicamentos fotossensibilizantes
  • Pessoas com histórico de quelódes
  • Pacientes com exposição continua aos raios UV e bronzeados
  • Mulheres gestantes ou que estão amamentando
  • Pessoas com sensibilidade a radiação da luz ou que tenham doenças de pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *